Homem que cobrava pedágio ilegal é capturado com R$ 13 mil no oeste do estado

Suspeito cobrava entre R$2 e R$10 para liberar o acesso a uma via pública Foto: Divulgação/SSP Por: Metro1 O 7° Batalhão da Polícia Militar (BPM/Irecê) capturou, nessa terça-feira (10), um homem que faturava com a venda de entorpecentes e exigia pagamento para que pedestres e motoristas tivessem acesso a uma via pública. A ação aconteceu no município de Barra, … Leia Mais



Generais do governo recebem até R$ 350 mil a mais ao ano após portaria de Bolsonaro


Secretaria-Geral disse que os valores recebidos no contracheque “seguem as orientações do Ministério da Economia”

Generais do governo recebem até R$ 350 mil a mais ao ano após portaria de Bolsonaro

Foto: Agência Brasil

Por: Metro1

Generais do governo passaram a receber até R$ 350 mil a mais ao ano após portaria assinada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL). Segundo o jornal Folha de S. Paulo, a medida, editada em abril do ano passado, permite o acúmulo de salários e aposentadorias acima do teto constitucional, que é de R$ 39,3 mil.

O maior aumento foi para o general Luiz Eduardo Ramos, ministro da Secretaria-Geral, que teve direito a R$ 874 mil nos 12 meses desde que a portaria foi publicada. Se o teto salarial tivesse sido aplicado, teria havido R$ 350,7 mil a menos em seu contracheque.

Após Ramos, o que mais teve o contracheque engordado foi o general Augusto Heleno, ministro do GSI (Gabinete de Segurança Institucional) da Presidência, com R$ 866 mil, R$ 342 mil acima do teto constitucional.

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, vem em terceiro na lista, com R$ 318 mil a mais em um ano. O general Walter Braga Netto, ex-ministro da Defesa, teve R$ 306 mil a mais em um ano.

Procurada pelo jornal, a Secretaria-Geral disse que os valores recebidos no contracheque “seguem as orientações do Ministério da Economia”


Ciro pede união de candidatos contra tentativa de golpe de Bolsonaro


“Há indícios claros de que está em curso um golpe contra a democracia, cujo alvo são as próximas eleições”, declarou o presidenciável

Ciro pede união de candidatos contra tentativa de golpe de Bolsonaro

Foto: Divulgação

Por: Metro1

Pré-candidato à Presidência, Ciro Gomes (PDT) pediu, na noite desta terça-feira (10), que todos os candidatos se unam contra a tentativa de golpe do presidente Jair Bolsonaro (PL).

De acordo com Ciro Gomes,  trata-se de manobras  “muito sofisticadas” e que envolvem “guerra da informação, da contrainformação, manipulação e espionagem”.

“Há indícios claros de que está em curso um golpe contra a democracia, cujo alvo são as próximas eleições. Ou a sociedade e as lideranças políticas tomam providências já, ou chegaremos a um ponto sem retorno”, disse Ciro, em live no seu canal.

“É preciso que todos os candidatos, de todos os partidos, sentem imediatamente à mesa para denunciar isto publicamente ao Brasil e ao mundo. Faço esta convocação e espero ser ouvido por todos os demais candidatos”, acrescentou.


Subvariante da ômicron é responsável por 84% dos resultados positivos de Covid, aponta pesquisa


Mais transmissível que a BA.1, BA.2 teve os primeiros casos registrados no país em fevereiro

Subvariante da ômicron é responsável por 84% dos resultados positivos de Covid, aponta pesquisa

Foto: Divulgação

Por: Metro1

A subvariante da ômicron BA.2 foi identificada em 84,3% dos testes positivos de Covid-19 realizados no Brasil entre os dias 17 e 23 de abril, segundo uma pesquisa nacional divulgada pelo Instituto Todos pela Saúde (ITpS). Em 9 de abril, a prevalência da variante era de 69,3%. A informação é do portal G1.

Essa linhagem do coronavírus, mais transmissível que a BA.1, teve os primeiros casos registrados no país em fevereiro. Agora, depois de uma análise de mais de 70.267 testes positivos para o SARS-CoV-2, a sublinhagem foi identificada em 122 municípios de 13 estados.


Clubes russos estão de fora da próxima edição da Champions League


Associação russa de futebol também não irá competir na Copa do Mundo

Clubes russos estão de fora da próxima edição da Champions League

Foto: Mikhail Shapaev/União de Futebol da Rússia

Por: Metro1

A União das Associações Europeias de Futebol (Uefa) anunciou nesta segunda-feira (2) que os clubes russos foram banidos da próxima edição da Liga dos Campeões e de todas as outras competições internacionais devido à guerra na Ucrânia.

A seleção feminina da Rússia também foi proibida de jogar a Eurocopa da categoria, que acontecerá em julho, na Inglaterra. A vaga do país será ocupada por Portugal.

Em março, a Corte Arbitral do Esporte (CAS) rejeitou um recurso da Associação russa de futebol (FUR) para bloquear a suspensão da Fifa, efetivamente encerrando suas esperanças de competir na Copa do Mundo masculina no Catar.


Aumento de acessos para regularizar título deixa site do TSE fora do ar temporariamente


Instabilidade foi registrada a dois dias para o final do prazo para a regularização e emissão do título de eleitor

Aumento de acessos para regularizar título deixa site do TSE fora do ar temporariamente

Foto: Marcello Casal Jr / Agência Brasil

Por: Metro1

O site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) enfrentou instabilidades na tarde desta segunda-feira (2) e chegou a ficar fora do ar em alguns momentos. Segundo a Corte eleitoral, o problema foi gerado pelo grande número de acessos ao sistema do e-título.

De acordo com a Corte, somente até as 17h foram realizados 431 mil atendimentos.

A instabilidade foi registrada a dois dias para o final do prazo para a regularização e emissão do título de eleitor.

Por meio de nota, o TSE informou que “as áreas técnicas responsáveis já trabalham para o restabelecimento das páginas e dos sistemas afetados”.